RELEASES EMPRESARIAIS

QUARTA-FEIRA, 21 DE NOVEMBRO DE 2018 - Horário 9:03
nbe
ECO/ PRNewswire - CropIn arrecada US$ 8 milhões da Chiratae Ventures e de outros investidores para acelerar visão global de "maximização de valor por hectare"

BENGALURU, Índia, 21 de novembro de 2018 /PRNewswire/ -- A CropIn Technology Solutions Pvt. Ltd., startup do setor de agrotecnologia, arrecadou 580 milhões de rúpias indianas (US$ 8 milhões) em um financiamento de série B da Chiratae Ventures (antiga IDG Ventures India) e do Bill & Melinda Gates Foundation Strategic Investment Fund (Londres e Seattle). O financiamento dará escala à plataforma tecnológica da CropIn conhecida como 'SmartFarm' na Índia e no mundo todo. O alcance passará de 1,2 milhão de hectares pertencentes a 2 milhões de agricultores para mais de 4 milhões de hectares ativamente monitorados pertencentes a 7 milhões de produtores agrícolas. Com essa infusão de capital e um conjunto de dados cada vez mais rico, a empresa desenvolverá ainda mais sua plataforma 'SmartRisk' baseada em aprendizagem de máquina para atingir níveis sem precedentes de estimativa de safra e detecção de colheita de terrenos individuais.



Sediada em Bangalore, e com mais de 180 clientes em 29 países, a CropIn permite que empresas do ecossistema agrícola adotem uma abordagem orientada a dados por meio de sua plataforma tecnológica do solo para a nuvem. Assim, capacita agroindústrias a "crescerem mais com menos" e impulsionarem iniciativas de digitalização, rastreabilidade, previsibilidade, sustentabilidade e conformidade. Entre os clientes da CropIn estão grandes agroindústrias globais, bancos, órgãos governamentais e agências de desenvolvimento. Por meio de sua plataforma de produtos, a CropIn atinge um mercado global de serviços agrícolas digitais que deverá representar US$ 4,5 bilhões em 2020.

O produto inicial da empresa, o SmartFarm, é um aplicativo altamente personalizável para celular e web voltado a uma gestão agrícola realizada por meio dos próprios agentes de campo das agroindústrias em cada plantação, em um sistema empresa-empresa-agricultor. Como os dados são coletados e agregados por funcionários da agroindústria ativos na plantação e têm eventuais inconsistências removidas pela CropIn, há uma forte confiança de que a informação reflete com precisão o que está acontecendo na propriedade agrícola, representando dados verdadeiros confirmados no solo. A CropIn usa esses dados para melhorar a rastreabilidade e o monitoramento para seus clientes de agronegócio por meio de vários produtos de software como serviço (SaaS).

"Para alimentar as 9,7 bilhões de pessoas em todo o mundo em 2050, a eficiência agrícola precisará aumentar entre 35% e 70%, e a chave é a tecnologia. A rica combinação de práticas agrícolas e pequenas propriedades da Índia proporciona um enorme conjunto de informações para nossos modelos. Além disso, como somos uma empresa de SaaS, a localização geográfica nunca foi um fator limitante para a expansão de nossa base de clientes. Temos atividades em toda a Ásia, na África, na América Latina e em mercados europeus selecionados. As informações verdadeiras verificadas no solo provenientes destas localidades geográficas continuam preenchendo nosso lago de dados e proporcionam insights que transformam o paradigma do ecossistema agrícola em nível global", diz o fundador e CEO da CropIn, Krishna Kumar .

No back-end, o lago de dados da CropIn amplifica os dados verdadeiros verificados no solo com informações meteorológicas locais e imagens de satélite de alta resolução, que formam a base do aprendizado de máquina. Ao analisar e interpretar esses dados com relação às 265 culturas agrícolas com quase 3,5 mil variantes em sua plataforma abrangendo bilhões de pontos de dados que crescem a cada dia, a CropIn está construindo uma autoestrada da agroinformação que detectará padrões e preverá o futuro de cada cultivo, destacando riscos e oportunidades para todas as partes envolvidas com a produção agrícola. A CropIn proporciona quase em tempo real insights que podem servir de base para ações por parte de processadores agrícolas, distribuidores, fornecedores de insumos, financiadoras e seguradoras por meio de suas APIs conectáveis. Além disso, os algoritmos da CropIn podem estabelecer o histórico de desempenho de cada pixel em nível regional e no nível de cada propriedade agrícola.

"Acreditamos fundamentalmente na visão de nossos fundadores: a criação de um líder global do setor de agrotecnologia com parcerias em diversos setores, como o agronegócio, propriedades agrícolas comerciais, financiamentos agrícolas e seguradoras. É impressionante o enorme impacto da CropIn em prol de seus clientes globais em 29 países com base nos conjuntos de dados exclusivos captados. O potencial para revolucionar a agricultura com o uso da tecnologia e da aprendizagem de máquina nunca foi maior, e acreditamos que Krishna e Kunal continuarão sendo pioneiros neste segmento por muitos anos", afirmou o diretor executivo da Chiratae Ventures India Advisors, Karan Mohla.

Com este investimento, a CropIn já arrecadou um total de US$ 12 milhões de diferentes investidores, entre eles a empresa de capital de risco Beenext, com sede em Cingapura.

Foto: https://mma.prnewswire.com/media/787489/CropIn_Founders.jpg

FONTE CropIn Technology


© 2014 Todos os direitos reservados a O Globo e Agência O Globo. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.