RELEASES EMPRESARIAIS

TERÇA-FEIRA, 28 DE JANEIRO DE 2020 - Horário 13:02
nbe
ECO/ PRNewswire - Empresas cometem erros ao lidar com informações

CURITIBA, Brasil, 28 de janeiro de 2020 /PRNewswire/ -- Num mundo corporativo cada vez mais competitivo, a informação passou a ser um dos ativos mais valiosos de uma empresa. E, com isso, dados sobre projetos, clientes, parceiros, ideias, passaram a ser cobiçados por concorrentes - e também por criminosos. Ao mesmo tempo em que é preciso ter o maior número de informações disponíveis para a tomada de decisão, as empresas devem garantir que os dados não caiam em mãos erradas.

Trabalhando diretamente com o sistema financeiro, no qual a informação é um dos itens mais delicados, a Tecnobank desenvolveu um projeto de segurança da informação e de proteção de dados que, ao mesmo tempo em que blinda o cliente de diversos tipos de ameaças cibernéticas, garante a  disponibilidade, a integridade e a confidencialidade das informações, maximizando o retorno dos investimentos e gerando novas oportunidades.

"Para restringir ataques de hackers ao redor do mundo, limitamos os países que podem ter acesso aos nossos servidores, utilizando de recurso de geolocalização que impede que tentativas ocorram a partir dos países que apresentam altos índices de origem de ataques", explica o gerente de infraestrutura e segurança da Tecnobank, Paulo Cury.

"Mantemos também uma política de atualização constante de sistemas operacionais e de firmware, com o intuito de mitigar possíveis explorações de vulnerabilidades", acrescenta. O especialista aponta sete situações comuns no mundo corporativo, cometidas ao lidar com informação e que são causadoras de problemas. Veja neste link: http://www.centralpress.com.br/sete-erros-que-as-empresas-cometem-ao-lidar-com-informacoes/ .

Lançado em 2019, com base em rígidas práticas nacionais e internacionais de mercado, o Sistema de Gestão de Segurança da Informação (SGSI) da Tecnobank é composto por políticas e diretrizes de governança, tecnologia e proteção de dados, a fim de garantir confidencialidade, integralidade e disponibilidade, com monitoramento e controle contínuos, mitigando, assim, riscos cibernéticos.

O SGSI abrange toda a informação utilizada pela Tecnobank para o desenvolvimento de suas atividades e seu negócio, aplicada em toda a organização, assim como às entidades colaboradoras e parceiros envolvidos na eventual utilização da informação e dos sistemas.

A Política de Segurança da Informação da Tecnobank é aplicada em todas as fases do ciclo de vida dos dados: geração, distribuição, armazenamento, processamento, manuseio, transporte, consulta e destruição; e dos sistemas que os processam: análise, desenho, desenvolvimento, implantação, teste e manutenção.

Saiba mais sobre o Sistema de Gestão de Segurança da Informação da Tecnobank:

https://tecnobank.com.br/noticias/conheca-o-sistema-de-gestao-de-seguranca-da-informacao-da-tecnobank/

FONTE Tecnobank


© 2014 Todos os direitos reservados a O Globo e Agência O Globo. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.