RELEASES EMPRESARIAIS

QUINTA-FEIRA, 30 DE JANEIRO DE 2020 - Horário 7:02
nbe
ECO/ PRNewswire - Crise na TI brasileira fomenta nova solução

OURO PRETO, Brasil, 30 de janeiro de 2020 /PRNewswire/ --  A Tecnologia da Informação brasileira corre riscos. Ainda que vá abrir 70 mil oportunidades na área somente este ano, e outras 320 mil até 240, segundo o Relatório Setorial de TIC 2018 da Brasscom (Associação Brasileira de Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação), o Brasil não está preparado para suprir a demanda de profissionais de TI.

Embora formemos cerca de 46 mil novos atuantes da área por ano, também segundo a Brasscom, este volume não é o suficiente, causando um déficit de 29 mil profissionais anualmente. Toda essa demanda é causada pela transformação digital que cerca os modelos de negócio, exigindo que se transportem para os ambientes digitais. Essa necessidade é evidente visto que documentos oficiais como RG e CNH já migraram para suas versões online.

Segundo as tendências de evolução do trabalho levantadas pela ADP Research Institute, divulgadas pela Brasscom, o uso de dispositivos móveis para trabalhar está previsto como uma prática futura. Além disso, segundo a Gartner, há a expectativa de que 3,9 trilhões de dólares sejam gastos com TI em 2020, sobretudo softwares corporativos. Provavelmente, o acesso à esses programas seja a partir de dispositivos móveis, tal como smartphones.

Embora exista o déficit de profissionais de TI, é relevante ter em conta que existem outras formas de agregar serviços de tecnologia da informação nos meios corporativos sem precisar contratar um time próprio. O outsourcing de TI vem como uma proposta eficaz e menos custosa, especialmente no que diz respeito aos exaustivos processos seletivos e demais demandas dos recursos humanos, além da compra de equipamentos e outros gastos.



Inclusive, o cenário de tecnologia tem se desenvolvido ao passo que empresas do tipo SaaS se estabelecem no país principalmente na região Sudeste, como visto nas estatísticas das startups da Startbase. Ainda que muitas se concentrem no Estado de São Paulo, a tecnologia em Minas Gerais também se destaca.

10 cidades mineiras se destacam no ranking das 100 cidades mais inteligentes do país, conforme a Urban Systems. Ouro Preto é uma delas, sendo uma cidade que acolhe empresas no ramo da inteligência artificial e desenvolvimento de softwares. Para as soluções de outsourcing de TI, a ouro pretana Usemobile oferece desenvolvimento de aplicativos, podendo agregar na tendência de softwares corporativos levantados pela Gartner, colocando-os a poucos cliques das mãos dos gestores.

Assim, empresas como a Usemobile podem reverter o cenário de crise de TI do país, atendendo as demandas pontuadas pela Brasscom e colaborando para a transformação digital dos meios corporativos.

Entregue as responsabilidades nas mãos da Usemobile e fique somente com as vantagens fazendo um orçamento. Ou seja um colaborador do time como um desenvolvedor iOS, Android ou Full-Stack e ajude na transição digital dos ambientes corporativos.

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/1083001/UsemobilePic_Infographic.jpg?p=original

FONTE Usemobile


© 2014 Todos os direitos reservados a O Globo e Agência O Globo. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.