RELEASES EMPRESARIAIS

SEGUNDA-FEIRA, 4 DE MAIO DE 2020 - Horário 15:03
nbe
ECO/ PRNewswire - Procedimento estético com bioestimulador de colágeno aumenta a autoestima das novas mamães

SÃO PAULO, 4 de maio de 2020 /PRNewswire/ -- Ao gerar uma vida, a mulher passa por mudanças internas e físicas, como o preparo do corpo para abrigar o bebê que está se desenvolvendo em seu ventre. São transformações importantes trazidas por esse momento de amor e felicidade, que tem como prioridade a saúde e o bem-estar da mamãe e da criança.

Em meio às mudanças físicas, a parte do corpo mais observada durante a gravidez e no puerpério é também uma das mais afetadas: o abdômen. Para acomodar o bebê, a pele e os músculos precisam se alongar, de forma natural, pois acompanham o estiramento da barriga. Ao final da gestação, é possível que a região fique com a pele mais flácida, dando aquela sensação de pele solta. Essa falta de tonicidade pode causar desconforto às mamães, que nesse caso têm os procedimentos estéticos como aliados.

Além de tratar a flacidez da pele, tais procedimentos podem colaborar com a autoestima da mulher e a retomada de sua forma física. Dentre eles, está o bioestimulador de colágeno à base de ácido poli-L-lático (PLLA), conhecido comercialmente como Sculptra®. "A bioestimulação é a maneira inteligente e direcionada de fazer com que nosso corpo produza mais colágeno em quantidade significativa e sustentável. Quando injetamos um bioestimulador confiável no abdômen, fazemos com que nossas próprias células sejam convidadas a produzir colágeno", comenta a Dra. Cintia Cunha, dermatologista especialista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia.

"Com o nascimento do bebê, nem sempre essa pele volta ao que era, principalmente no caso das mulheres que optam pela gestação após os 30 anos de idade, comum atualmente e quando o corpo começa a reduzir a produção natural de colágeno", afirma a Dra. Cintia. Os tratamentos dermatológicos estéticos são grandes aliados para recuperar o tônus e a firmeza e reduzir as dobras na barriga que tanto incomodam as novas mamães.

O procedimento com PLLA é feito por meio de injeções e é pouco invasivo. "Deve ser realizado em consultório médico, com anestesia tópica em formato de cremes, e a recuperação é imediata. Eventualmente algum hematoma pode ficar sem grandes repercussões", comenta a dermatologista.

Além da região da barriga, o tratamento com bioestimulação de colágeno pode ser realizado em outras partes do corpo, como rosto, colo, pescoço, coxas, glúteos e braços.

Sobre a Galderma

A Galderma, maior empresa global independente de dermatologia do mundo, foi criada em 1981 e atualmente está presente em mais de 100 países. Com um extenso portfólio de medicamentos de prescrição, soluções estéticas e produtos para o consumidor, a empresa faz parceria com profissionais de saúde em todo o mundo para atender as necessidades de saúde da pele das pessoas ao longo da vida. A Galderma é líder em pesquisa e pele. Para mais informações, visite www.galderma.com.

FONTE Galderma


© 2014 Todos os direitos reservados a O Globo e Agência O Globo. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.