RELEASES EMPRESARIAIS

TERÇA-FEIRA, 19 DE JANEIRO DE 2021 - Horário 17:32
nbe
ECO/ PRNewswire - Aumento no número de avaliações de fusões e aquisições no segundo semestre de 2020, apesar dos impactos da COVID-19 na economia, de acordo com a PwC

- Os volumes de negócios aumentaram 18% e os valores de negócios aumentaram 94% no segundo semestre de 2020

- Número de mega-acordos dobrou no segundo semestre do ano

-Subsetores de tecnologia e telecomunicações têm o maior crescimento com a aceleração da demanda por ativos digitais

-Empresas de aquisição de propósito específico (SPACs) arrecadaram cerca de 70 bilhões de dólares em capital

LONDRES, 19 de Janeiro de 2021 /PRNewswire/ -- As avaliações para fusões e aquisições estão em alta, com abundância de avaliações e intensa concorrência para muitos ativos digitais ou de base tecnológica que impulsionam a atividade de negócios globais, de acordo com a mais recente análise Global M&A Industry Trends da PwC.

Cobrindo os últimos seis meses de 2020, a análise examina a atividade de negócios globais e incorpora insights dos especialistas do setor de negócios da PwC para identificar as principais tendências que impulsionam a atividade de F&A e os principais destaques de investimento previstos em 2021.

Apesar da incerteza criada pela COVID-19, a segunda metade de 2020 viu um incremento na atividade de fusões e aquisições.

"A COVID-19 deu às empresas uma visão incomum de seu futuro, e muitas não gostaram do que viram. A aceleração da digitalização e transformação de seus negócios passou a ser instantaneamente uma prioridade máxima, e a maneira mais rápida de fazer isso acontecer é por meio de fusões e aquisições ? criando um cenário altamente competitivo para os negócios certos", disse Brian Levy, Global Deals Industries Leader da PwC, Partner, PwC EUA.

As principais conclusões sobre as atividades de negócios do segundo semestre de 2020 incluem:

O número de negócios saltou no segundo semestre do ano com os volumes e valores globais totais de negócios aumentando 18% e 94%, respectivamente, comparados ao primeiro semestre do ano. Além disso, tanto os volumes quanto os valores de negócios aumentaram em comparação com os últimos seis meses de 2019. Os valores de negócios mais altos no segundo semestre de 2020 foram em parte devido a um aumento nos mega-acordos (mais de 5 bilhões de dólares). No total, 56 mega-acordos foram anunciados no segundo semestre de 2020, em comparação com 27 no primeiro semestre do ano. No segundo semestre de 2020, os subsetores de tecnologia e telecomunicações tiveram o maior crescimento em volumes e valores de negócios, sendo que tecnologia teve aumento nos volumes e valores de 34% e 118%, respectivamente. O volume de negócios em telecomunicações aumentou 15% e os valores aumentaram significativamente em quase 300% devido a três mega-acordos no setor. Regionalmente, os volumes de negócios cresceram 20% nas Américas, 17% na EMEA e 17% na Ásia-Pacífico entre o primeiro e o segundo semestre de 2020. Nas Américas, o maior crescimento em valores de negócios foi de mais de 200%, principalmente devido a alguns mega-acordos significativos no segundo semestre do ano.A COVID-19 acelera a atividade de negócios para ativos digitais e de tecnologia em um mercado altamente competitivo 

Os ativos em demanda comandaram altas avaliações e competição feroz, impulsionada por fatores macroeconômicos. Esses fatores incluem taxas de juros baixas, um desejo de adquirir negócios inovadores, digitais ou tecnológicas e uma abundância de capital disponível, tanto de empresas (mais de 7,6 trilhões de dólares em dinheiro e em títulos negociáveis) quanto de compradores de capital privado (1,7 trilhão de dólares).

Em comparação, ativos em setores que foram mais atingidos pela pandemia, como a manufatura industrial, ou que estão sendo moldados por fatores como a transformação para as emissões líquidas de carbono zero, estão criando mudanças estruturais que as empresas precisarão abordar. Quando a viabilidade futura de seus modelos de negócios for desafiada, as empresas poderão buscar oportunidades de fusões e aquisições depreciadas ou se reestruturar para preservar o valor.

Os negociadores ampliam a avaliação da criação de valor para fontes não tradicionais 

Fontes não tradicionais de criação de valor, como o impacto dos fatores ambientais, sociais e de governança (ESG), estão sendo cada vez mais consideradas pelos negociadores e levados em conta na tomada de decisão estratégica e na auditoria, uma vez que se concentram em proteger e maximizar os retornos de altas avaliações e demanda acentuada.

"Com tanto capital lá fora, as boas empresas estão solicitando números elevados e alcançando-os. Se isso continuar, e acredito que continuará, a necessidade de duplicar a criação de valor agora é mais relevante do que nunca para o sucesso de fusões e aquisições", diz Malcolm Lloyd, Global Deals Leader, Partner, PwC Espanha.

O impacto em fusões e aquisições de um mercado de IPO aquecido 

Nos últimos seis meses, prevaleceu o uso de empresas de aquisição de propósito específico (SPACs) para reunir capital de investidores para oportunidades de aquisição em um mercado de IPO extremamente ativo. Em 2020, as SPACs arrecadaram cerca de 70 bilhões de dólares em capital e responderam por mais da metade de todos os IPOs dos EUA. As empresas de capital privado têm desempenhado um papel importante no recente crescimento das SPACs, pois viram nelas uma fonte alternativa útil de capital. Espera-se mais atividade de SPACs em 2021, especialmente envolvendo ativos como infraestrutura de carregamento de veículos elétricos, armazenamento de energia e tecnologia de cuidados da saúde.

Leia o Global M&A Industry Trends da PwC para obter mais informações sobre 2020 e 2021.

Notas

O Global M&A Industry Trends da PwC é uma análise semestral da atividade de negócios globais em cinco setores: mercados de consumo (CM), tecnologia, mídia e telecomunicações (TMT), setores de saúde (HI), energia, serviços públicos e recursos (UE&R), e manufatura industrial e automotiva (IM&A).

Sobre a PwC

Na PwC, nosso objetivo é construir confiança na sociedade e resolver problemas importantes. Somos uma rede de empresas em 157 países, com mais de 276 mil funcionários que estão comprometidos em oferecer qualidade em serviços de garantia, consultoria e tributários. Saiba mais e diga-nos o que é importante para você acessando www.pwc.com.

PwC refere-se à rede PwC e/ou a uma ou mais de suas empresas membros, cada uma das quais é uma entidade legal separada. Consulte www.pwc.com/structure para mais informações.

© 2021 PwC. Todos os direitos reservados.

Logo - https://mma.prnewswire.com/media/1121790/PWC_Logo.jpg

 

FONTE PwC Global Corporate Affairs


© 2014 Todos os direitos reservados a O Globo e Agência O Globo. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.